WhatsApp: (91) 8895-3102
S.O.S Sindmepa: (91) 99893386
Afiliado a:

A situação dos médicos no Brasil!

0

Sete ex-presidentes do Conselho Federal de Medicina e de entidades médicas nacionais elaboraram um manifesto enviado ao “presidente do egrégio Conselho Federal de Medicina”, intitulado “A situação de nós, médicos”. No documento, os ex-presidentes apelam às instituições que representam os médicos no Brasil a reivindicar seus direitos básicos, destacando que a maioria dos médicos brasileiros é contratada como pessoa jurídica, sem férias, décimo terceiro salário, licença-saúde, licença maternidade, aposentadoria, entre outros direitos.

“Cremos que é chegada a hora de as instituições que nos representam tomarem a iniciativa de reivindicar, junto às autoridades competentes, o que é de justiça e o que é de direito. Não se trata de sermos mais ou menos importantes, trata-se de sermos necessários”, apelam os ex-presidentes.

“Muitos de nós seremos infectados, outros tantos adoecerão e serão internados e, seguramente, não faltarão os que irão a óbito. Então perguntamos: como ficarão nossas famílias? Somente com os aplausos, com os títulos de heróis?.Queremos lembrar que não somos sacerdotes, não somos ‘colaboradores’, não somos heróis, somos, sim, trabalhadores da saúde com as mesma necessidades de quaisquer dos demais trabalhadores, que são tão importantes quanto nós”, relatam os ex-presidentes de entidades médicas.

Entre os que subscrevem o documento está o diretor do Sindmepa, Waldir Cardoso, ex-presidente da Federação Nacional dos Médicos (Fenam) e da Federação Médica Brasileira (FMB). Ele aponta que o apelo “vai ao encontro dos anseios e angústias dos médicos brasileiros que, por dever de ofício e humanidade, estão à frente da luta, salvando vidas da Covid”.

Além de Cardoso, também assinam o documento Gabriel Wolf Oselka, Ivan Araújo de Moura, Waldir Paiva Mesquita, ex-presidentes do CFM; Cid Carvalhaes e Eurípedes Carvalho, ex-presidentes da Federação Nacional dos Médicos (Fenam); e José Erivalder Guimarães Oliveira, ex-presidente da Confederação Médica Brasileira.

Confira documento na íntegra: https://bit.ly/3d0XP9f

Leave A Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sindicato dos Médicos do Pará