WhatsApp: (91) 8895-3102
S.O.S Sindmepa: (91) 99893386
Afiliado a:

Sindmepa Informa – 09.12.2018

0

SESPA

O Sindmepa repudia veementemente o total descaso ao ofício enviado à Sespa solicitando audiência com os respectivos titulares das pastas da Administração e da Saúde para propor soluções aos inadmissíveis descontos feitos nos contra cheques de médicos dos hospitais públicos do estado, no mês de novembro. Nunca é demais lembrar que há determinação dos médicos em paralisar suas atividades agora em dezembro, entregando cargos de chefia e plantões extras, caso não sejam repostos os descontos realizados, o que nos leva a prever caos no atendimento da saúde nos hospitais, no final do ano.

TERCEIRIZADAS

Será na próxima quarta, às 10h, no Centro Universitário de Parauapebas, a audiência pública convocada pelo MPE para discutir as contratações de organizações sociais para gerir o Hospital Geral de Parauapebas. Não custa lembrar que, recentemente, foram presos o presidente e a diretora geral do Gamp, que já administrou o HGP, por desvios promovidos na saúde em Canoas, no RS e que a Pró-Saúde, única qualificada para gerir o HGP, está sendo investigada na Lava Jato.

DEMOGRAFIA MÉDICA

De acordo com a Demografia Médica 2018, pouco menos da metade das vagas para programas de Residência Médica no Brasil estão ociosas. Os dados revelam que, enquanto as vagas preenchidas somam 35.178, o total de autorizações chega a 58.077. A ociosidade acontece por problemas como a desistência de candidatos selecionados; as falhas no registro de dados sobre a ocupação de vagas; a menor demanda em relação à oferta ampliada em determinadas especialidades; o desinteresse dos egressos por programas de pouca tradição; e as dificuldades ou atrasos de financiamento de bolsas. A Demografia Médica é produzida com apoio institucional do  CFM e Cremesp.

LANÇAMENTO

Na próxima quarta-feira (12), a Unimed e a Editora Paka Tatu lançam o livro “À flor da pele”, da médica e escritora Lília Lena. O lançamento será a partir das 18:30, na Unimed Belém, localizada na Manoel Barata. O Sindmepa parabeniza a Dra. Lília pelo lançamento, ela que também já fez parte de nossa diretoria colegiada.

MÉDICOS E MÍDIAS

Em tempos de comunicação digital nunca é demais lembrar que o CFM editou em 2015 a resolução 2.106, onde regulamenta o que o médico pode ou não fazer em suas redes sociais. Entre as proibições estão divulgar que não existem complicações em seus procedimentos ou que todos os seus pacientes estão satisfeitos e publicar elogios e prêmios que não tenham valor científico. Estão liberados entrevistas, informações e artigos científicos, além de cursos e atualizações realizados relacionados à sua especialidade ou área de atuação. É sempre bom ficar de olho na Resolução do CFM.

A CURA

O filme A Cura, do diretor Peter Horton, é a atração especial da próxima terça-feira, no cineteatro do Sindmepa. Em alusão ao Dezembro Vermelho, mês de conscientização nacional sobre o HIV e aids, o filme trata de amizade e preconceito. A exibição é uma parceria do Sindmepa, comissão de saúde da OAB e Instituto Muiraquitã de Desenvolvimento Técnico e Social da Amazônia. A sessão é às 19h com entrada franca.

Leave A Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.