Afiliado a:

Novo procurador propõe criação de GT de saúde

O Sindmepa participou na manhã desta segunda-feira, 02, de um encontro no Ministério Público do Estado do Pará, a fim de dar boas-vindas ao novo Procurador-Geral de Justiça, Gilberto Valente Martins. O procurador, empossado no dia 10 de abril para o biênio 2017-2018, é o primeiro promotor de justiça a assumir a Procuradoria Geral de Justiça e também é membro do Fórum Nacional de Combate à Corrupção. Uma das propostas do novo procurador é a criação de um Grupo de Trabalho para discutir gargalos da saúde no estado.

Participaram da reunião os diretores Emanuel Resque, João Gouveia e Wilson Machado e a assessora jurídica do Sindmepa, Sílvia Mourão. A promotora de justiça Adriana Simões Colares, coordenadora de cidadania do Centro de Apoio Operacional, também esteve presente durante a conversa.

Entre os assuntos discutidos, a reunião tratou da necessidade de se iniciar um diálogo para avançar no diagnóstico dos gargalos da saúde pública paraense, como a melhoria da atenção básica nos municípios, criação do plano de cargos e carreiras dos funcionários da saúde e o pedido de mediação do MPE na defesa das causas coletivas.

Durante o encontro, a Procuradoria revelou um projeto para criação de um Grupo de Trabalho em Saúde, com a participação de promotores da capital e outros municípios do estado. “Esse GT é fundamental e temos uma previsão de reunião para agosto. A ideia é traçar um plano de políticas de atuação junto às prefeituras, com fiscalização e elaboração de metas a serem cumpridas”, revelou o Procurador-Geral, Gilberto Valente Martins.

O Sindmepa aprovou a decisão, tendo em vista que as gestões municipais serão acompanhadas e cobradas nas ações de saúde com prioridade na atenção básica, sem perder de vista a integralidade da atenção à saúde. Futuramente, o Sindicato dos Médicos do Pará também deve ser convidado para ser ouvido no GT.

 

Deixar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.